Pousadas e hostels de Presidente Figueiredo oferecem preços mais baixos para atrair turistas durante a Festa do Cupuaçu

By / 1 mês ago / Uncategorized / No Comments
Pousadas e hostels de Presidente Figueiredo oferecem preços mais baixos para atrair turistas durante a Festa do Cupuaçu

Donos de hotéis e pousadas de Presidente Figueiredo estão oferecendo preços baixos e pacotes especiais para atrair o interesse de visitantes ao município, durante a 28ª edição da Festa do Cupuaçu, que será realizada nos dias 27, 28, 29 e 30 de abril.

Os empresários garantem que, neste ano, a busca por reservas já superou os índices registrados no ano passado. “Agora estamos com praticamente metade da nossa estrutura reservada com antecedência por pessoas que vêm tanto de Manaus quanto de outros estados passar aqui os quatro dias de festa. Nossa meta é organizar ainda mais nosso espaço para que durante os festejos do Cupuaçu possamos acomodar mais visitantes”, destacou Carla Yara, proprietária do Figueiredo Green Hostel, na sede da cidade.

Os hostels são opções as mais baratas. De acordo com os gerentes dos estabelecimentos, a estadia nesses locais é ideal para quem chega à cidade na companhia de amigos, tendo em vista que os quartos são compartilhados. A diária pode variar de R$ 50 até pouco mais de R$ 100. Nos hostels, são oferecidos café da manhã, roupa de cama, espaço de convivência, além de pacotes que incluem passeios turísticos.

As pousadas são mais procuradas pelas famílias por conta do ambiente residencial. Os valores variam de R$ 100 a pouco mais de R$ 200 a diária. São oferecidos café da manhã, almoço, banheiro de uso individual e área de convivência. Algumas dispõem até de piscina. Mas são os hotéis que encabeçam a lista de preços mais altos por diária, variando entre R$ 200 até mais de R$ 300. Os locais oferecem café da manhã, almoço, serviço de quarto, área de lazer, sinal de internet e banheiros individuais.

Entre hotéis, pousadas e hostels, Presidente Figueiredo concentra 43 meios de hospedagens. Na sede do município, ficam distribuídas 21 estabelecimentos. Na rodovia AM-240 Vila de Balbina, há 12 locais destinados à acomodação de turistas. Na Vila do Pitinga, situada na BR-174, é possível encontrar pelo menos mais 10 locais dessa natureza.

“Minha Casa é Um Bom Negócio ”

Outra opção para quem procura hospedagem são as residências cadastradas no programa “Minha Casa é Um Bom Negócio”, lançado no ano passado pela Prefeitura de Presidente Figueiredo. A iniciativa garante aos moradores a oportunidade de alugar quartos vagos em suas residências para hospedar visitantes durante o período de festas.

“Esse incentivo foi pensando pela prefeitura para garantir que todos os turistas possam sejam bem recebidos pelos figuereidenses e, como consequência, possibilitar uma renda extra às famílias durante essa época em que o município é tão visado”, frisou o prefeito Romeiro Mendonça.

De acordo com a Secretaria Municipal de Turismo e Comércio (Semtec), os visitantes podem obter informações sobre vagas de hospedagem oriundas do programa “Minha Casa é Um Bom Negócio”, por meio do Centro de Atendimento ao Turista (CAT), localizado no Centro da cidade. Lá, é possível ter indicações sobre residências disponíveis e valores cobrados pelo aluguel. Todos os locais são previamente cadastrados pela Prefeitura.

Passeios

Para quem quiser aproveitar as belezas naturais do município, os campings são recomendados. Ao todo, há três áreas de acampamento espalhadas pelo município, todas próximas a exuberantes cachoeiras. Nos campings, o pernoite custa entre R$ 20 e R$ 30. É permitida a entrada de barracas, alimentos e bebidas – desde que não sejam em garrafas de vidros – para evitar o descarte de lixo nos lugares. Todos os resíduos devem ser recolhidos pelos próprios visitantes para posterior descarte.

 

Redação

The author didn't add any Information to his profile yet.

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked. *